Presidente do PDT promete acionar PF para investigar autoria de carta contra pré-candidato do partido em Irecê
  • Compartilhe:

Uma carta que informa à Executiva Municipal do PDT em Irecê da retirada da pré-candidatura a prefeito do vereador Figueredo Amorim e cuja autoria é atribuída ao presidente da legenda na Bahia, deputado federal Félix Mendonça Júnior, vai virar caso de polícia. Félix informou ao Bahia Notícias que os advogados do partido pedirão à Polícia Federal, […]

Uma carta que informa à Executiva Municipal do PDT em Irecê da retirada da pré-candidatura a prefeito do vereador Figueredo Amorim e cuja autoria é atribuída ao presidente da legenda na Bahia, deputado federal Félix Mendonça Júnior, vai virar caso de polícia.

Félix informou ao Bahia Notícias que os advogados do partido pedirão à Polícia Federal, na segunda-feira (1º), que seja instaurado um inquérito para apurar o que classificou como “fake news” e “crime eleitoral”. “Nunca fiz nenhuma carta e o nosso candidato em Irecê é Figueredo. E ponto! Isso tudo é o medo que nossos adversários têm de perder a eleição, pois lideramos as pesquisas”, declarou em conversa com o site.

Pesquisa Séculus/BN publicada em maio mostrou que Figueredo, que atualmente está rompido com o prefeito Elmo Vaz (PSB), lidera as intenções de voto em todos os cenários analisados. Na simulação espontânea, quando os nomes não são apresentados, ele aparece com 46,52%, seguido de Murilo Franca com 24,65% e do ex-prefeito do município e ex-deputado federal, Luizinho Sobral,que obteve 10,74%.

Ainda de acordo com Félix Mendonça Júnior, a carta, datada de hoje, circula em Irecê e municípios vizinhos. Membro da Executiva estadual do PDT, o ex-deputado federal José Carlos Araújo foi um dos que recebeu o “documento fake”. “Figueredo está tão ativo que hoje mesmo estarei com ele em um ato de campanha na cidade”, afirmou o ex-parlamentar.

Araújo explicou que recentemente Figueredo teve problemas renais e seguiu recomendações médicas para que descansasse um pouco, mas esse momento já passou. “Ele está participando normalmente de atos de pré-campanha”, disse.

Vale frisar que, em Irecê, apesar do apoio da Executiva estadual do PDT a Figueredo, o deputado federal Leo Prates, que é do partido, decidiu apoiar o vereador Murilo Franca (PSB), lançado como sucessor do prefeito Elmo Vaz. O movimento motivou um vídeo do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, ministro da Previdência, reforçando que a legenda apoia Figueredo.

Fonte: Bahia Notícias