No Dia do Cinema, Lula diz que artista “não é pra ensinar putaria”
  • Compartilhe:

Presitente anunciou investimentos de R$ 1,2 bilhão e reforçou importância da cultura No dia que é comemorado o Dia do Cinema, o presidente Lula anunciou investimento de R$ 1,6 bilhão para o setor audiovisual brasileiro, em evento no Rio de Janeiro, na quarta-feira, 19. Em sua fala, o petista reforçou a importância da cultura e afirmou que […]

Presitente anunciou investimentos de R$ 1,2 bilhão e reforçou importância da cultura

No dia que é comemorado o Dia do Cinema, o presidente Lula anunciou investimento de R$ 1,6 bilhão para o setor audiovisual brasileiro, em evento no Rio de Janeiro, na quarta-feira, 19. Em sua fala, o petista reforçou a importância da cultura e afirmou que “os artistas, os cinema e novelas não são pra ensinar putaria”.

Presidente prosseguiu discurso dizendo que a arte deve contar histórias, “não pra dizer que nós queremos ensinar as crianças coisas erradas”.

“Sou da turma em que artista, cinema e novela não é pra ensinar putaria. É pra ensinar cultura, é pra contar ensinar história, é pra contar narrativas. Não pra dizer que queremos ensinar as crianças coisas erradas. Nós só queremos fazer aquilo que se chama arte. Quem não quiser entender o que é arte, dane-se, porque nós queremos muita arte, muita cultura e muita disposição das pessoas participarem”, disse o presidente.

Lula pediu ainda que o que chamou de “movimento contracultura” seja confrontado por espalhar fake news sobre investimentos na arte.

“Não podemos ter medo de fazer esse debate. Muitas vezes aparecem um maluco aí falando bobagem, gritando e xingando e a gente fica quieto. Não, nós temos que defender os nossos direitos”, pontuoU.

Fonte: A Tarde