ACM Neto reage após crítica Elmar Nascimento: “Não temos que concordar com tudo”
  • Compartilhe:

O vice-presidente do União Brasil, ACM Neto, reagiu às críticas de Elmar Nascimento (União Brasil) após a Executiva Estadual fechar questão e proibir deputados estaduais de votarem a favor de empréstimos de Jerônimo Rodrigues. O deputado federal classificou como uma “ameaça” aos parlamentares a decisão. “Elmar é um querido amigo. Não somos apenas aliados. Tenho uma […]

O vice-presidente do União Brasil, ACM Neto, reagiu às críticas de Elmar Nascimento (União Brasil) após a Executiva Estadual fechar questão e proibir deputados estaduais de votarem a favor de empréstimos de Jerônimo Rodrigues. O deputado federal classificou como uma “ameaça” aos parlamentares a decisão.

“Elmar é um querido amigo. Não somos apenas aliados. Tenho uma relação pessoalíssima com ele, e ele é nosso projeto e nome principal como pré-candidato a presidente da Câmara Federal, onde lidera a nossa bancada. No que depender de mim, da minha torcida, terá o apoio e será candidato para a Bahia, seria bom”, ressaltou o ex-prefeito em entrevista à Rádio Sociedade, nesta terça-feira (14).

“O fato de nós sermos amigos não quer dizer que temos de concordar com tudo. Ao contrário. Partido se faz dentro de um ambiente de divergência e respeito”, afirmou ACM Neto.

Mais cedo, Elmar disse que “não se constrói partido na base da intimidação e ameaça”. “Prefiro sempre o diálogo. Em nenhum momento esse assunto constava na pauta da reunião”, declarou.

O União Brasil vai penalizar com corte do fundo eleitoral os deputados estaduais da sigla que votarem a favor do empréstimo de US$ 400 milhões, que corresponde a cerca de R$ 2 bilhões, solicitados pelo governador.

Fonte: BNews